O Natal está aí

24 dezembro 2016

No Natal comemora-se o nascimento de Jesus. No passado, as pessoas comemoravam em dias distintos devido à não saber com exatidão quando realmente Jesus nasceu, e, por conta disso, foi estabelecido no século IV que a data simbólica seria 25 de dezembro. Acredita-se que a escolha da data esteja ligada à comemoração de início do inverno durante a Roma Antiga. Antigamente também, o Natal costumava ser comemorado durante 12 dias, cujo a explicação é: o tempo que levou para os três reis magos chegarem até a cidade de Belém e entregarem os presentes (ouro, mirra e incenso) ao menino Jesus.
Algumas pessoas costumam fazer suas decorações natalinas no começo de dezembro e desmontá-las até 12 dias após o Natal. Porém, a grande maioria, inclusive o comércio parece que nos apressam começando a decoração nos meados de outubro. Tinha até um meme que vi outro dia no facebook, uma pena que não salvei, mostrando um protesto contra decorações natalinas fora de época. Eu  achei bastante engraçado, e, refletia um pouco do meu nervosismo quando começa a música de Natal da Leader e lembro dos trabalhos e provas que tenho que fazer e o Natal já quase batendo na porta, não precisam apressar a gente meu povo!
Mas, brincadeiras a parte, eu gosto muito das decorações natalinas. Todas essas luzes e os coloridos me deixam um tanto que feliz. E uma das coisas que mais me encanta é ver a criatividade das pessoas na hora da decoração.
A origem do Papai Noel, segundo estudiosos, veio através da inspiração no bispo Nicolau, conhecido por ser um homem de bom coração, costumava ajudar as pessoas pobres, deixando saquinhos com moedas próximas às chaminés das casas. A associação da imagem de São Nicolau com o Natal começou na Alemanha e espalhou-se pelo mundo em pouco tempo.
1. Bispo Nicolau; 2. e 3. A roupa como era representado o Papai Noel até o final do século XIX, com roupa de inverno, na cor marrom ou verde escura. 4. Em 1931, em uma campanha publicitária da Coca-Cola, o Papai Noel utilizou o mesmo figurino criado por Nast em 1886, com as cores vermelho e branca (também cores do refrigerante). A campanha fez tanto sucesso que espalhou com facilidade pelo mundo a nova imagem/veste do bom velhinho.
Uma curiosidade a parte, outro dia desses estava conversando com a minha professora de inglês sobre o Natal e tal. Daí ela me disse que nos EUA eles não desejam Merry Christmas as pessoas, mas sim "boas festas", porque as pessoas que não comemoram o Natal poderiam ficar ofendidas. Eu achei aquilo tão diferente, já que aqui nós desejamos "Feliz Natal" pra todo mundo praticamente. Contudo, é compreensível essa lógica de não desejar a quem não comemora.

Bom gente, eu tentei reunir algumas das mais diversas curiosidades, não deu para abordar todas que eu desejava, porque ficaria muito extenso, mas deixei aqui embaixo alguns links, no "saiba mais", que eu pesquisei sobre o Natal em diferentes visões, muito interessante. Então, eu desejo um ótimo Natal a todos aqueles que celebram ele, assim como eu, e também boas festas àqueles que não. Vamos buscar ser mais amáveis com as pessoas, não só no Natal, mas sempre.
Estou preparando algumas novidades para o próximo ano, me organizando mais em relação as postagens para o blog não ficar meio largadinho as vezes quando apertar na faculdade e no estágio.

beijos,
Mandy.

Saiba mais:
História do Natal
Conheça os países que não comemoram o Natal
Como cada religião comemora o Natal
© Copyright DE LOUCOS TODOS SOMOS UM POUCO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Designer e programação por: DRÊ DESIGN.
imagem-logo